Dicas para comprar Frutas, Verduras e Legumes

A melhor dica é comprar o que estiver “na época”, ou seja, aquilo que os produtores locais têm a oferecer (especialmente em feiras livres, mercados municipais e sacolões). Isso reduz a distância de transporte dos produtos, garantindo assim que estejam mais frescos e baratos. Confira outras dicas:

Frutas

Manga, Melancia e Pêssego

– Devem ter a consistência firme, porém macia. Evite as que estejam moles ou com furos.

Melão

– Evite os que apresentam rachaduras. O melão maduro deve ceder à pressão dos dedos quando apertados nas extremidades.

Maracujá

– Escolha os mais pesados, indício de que apresentam mais polpa. Quanto mais enrugados, mais maduros e menos azedos são.

Maçã e Pêra

– As de aspecto mais brilhante são as mais frescas porque estão mais hidratadas.

Tangerina, laranja e limão

– A casca deve ser lisa, indicando que têm mais sumo.

Banana

– As mais arredondadas foram colhidas no momento certo. Não se guardam bananas em geladeira, caso contrário, ficam pretas rapidamente e com sabor alterado. Bananas que são compradas para amadurecer em casa não devem ter coloração integralmente verde, mas sim, devem apresentar algumas regiões de cor amarela.

Abacate

– Essa fruta só fica madura depois de colhida. Um truque é sacudir para ver se o caroço está solto, indicando que ele ainda vai amadurecer.

Uva

– Atenção com o cabinho, que deve estar verde. Os escuros indicam que a fruta está envelhecida. A uva deve ser guardada na geladeira.

Abacaxi

– Quanto mais lisa a casca, mais maduro ele está e consequentemente, mais doce.

Verduras

Alface

– Evite folhas murchas. As alfaces lisas e as crespas apresentam folhas normalmente menos firmes. Já a alface americana tem que apresentar folhas de tamanho médio e cor verde bem clara.

Brócolis

– Flores abertas ou amareladas significam que a hortaliça não está mais fresca. Quanto mais intensa a cor, mais saborosa a verdura.

Repolho

– Folhas muito separadas indicam que o repolho está duro.

Espinafre

– É possível descobrir se o espinafre está verde pelo barulhinho seco quando as fibras se quebram. As folhas devem ser verdes e firmes.

Legumes

Cenoura e Pepino

– Observar se a cor é uniforme e se a casca está firme.

Nabo

– Os mais pesados indicam mais qualidade.

Batata

– Além de firmes, não podem apresentar pontinhos esverdeados na pele.

Beterraba

– Beterrabas muito duras ou com partes rachadas devem ser evitadas. As melhores apresentam casca mais colorida e macia.

Cebola

– Não pode ter manchas, pontos moles ou marcas pretas.

Couve-Flor

– Flores amareladas indicam que já estão passando do ponto. As folhas devem ser bem verdes.

Quiabo

– Os melhores são pequenos e macios e as pontas devem quebrar com facilidade. Se conseguir apalpar as sementes pela parte de fora, significa que já passaram do ponto.

Tomate

– Quanto mais forte o cheiro, mais saboroso. Não compre se apresentar buraquinhos na pele, o que indica que tem bicho em seu interior.

Receita com aproveitamento de cascas e talos

Doce de casca de laranja

Ingredientes

• 06 laranjas

• Açúcar (o mesmo peso das cascas)

• Cravo e canela em pau a gosto

Modo de preparo:

Retire o sumo das laranjas e depois a casca, cortando a laranja em quatro em seguida retire os gomos. Use só a casca com a parte em branco. Deixe de molho em água de um dia para outro. Troque a água várias vezes. Corte as cascas pelo meio, depois em fatias finas. Coloque em uma panela, cubra com água e ferva por mais ou menos 15 minutos. Escorra a água. Coloque o mesmo peso das cascas em quantidade de açúcar, o cravo e a canela Levar ao fogo para apurar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *