BCAA – Melhora musculatura e desaparece com a celulite!

BCAA – Melhora musculatura e desaparece com a celulite!

BCAA – Melhora musculatura e desaparece com a celulite!

 

O BCAA é um aminoácido de cadeia ramificada, foi criado para melhorar performance, condicionamento físico, hipertrofia muscular, redução de lesões musculares que prejudicam o desempenho físico, protege os músculos contra fadiga de esforço excessivo, reduz o catabolismo proteico.

O BCAA também é conhecido como ACR (do inglês branched-chain amino acids ) este que é composto por valina, leucina e isoleucina. Por sua vez são considerados aminoácidos essenciais, porém não são produzidos pelo nosso organismo, sendo necessário fazer a ingestão destes através de dieta.

Os aminoácidos de cadeia ramificada correspondem cerca de 35% dos aminoácidos essenciais em proteínas musculares. Sendo que em um individuo adulto a massa muscular corresponde de 40 a 45% da massa corporal total, desta forma torna-se evidente a valor que estes aminoácidos correspondem.
Quando consumimos o BCAA, melhoramos a hipertrofia muscular ele possui ação anti-catabolica, retarda a a fadiga central, o que melhora o rendimento e evita cansaço e queda do rendimento durante o treino, poupam os estoques de glicogênio muscular, aumentam os níveis plasmáticos de glutamina após exercício intenso, de forma que melhora o sistema imunológico.
Pode também favorecer o processo de cicatrização, melhorar desordens estéticas como flacidez e celulite, melhora balanço muscular em indivíduos idosos, propicia efeitos benéficos no tratamento de patologias hepáticas e renais.


Propriedades

O BCAA, é um produto natural com cápsula gelatinosa, tem fácil deglutição, o que evita desconforto gástrico e maior rapidez de absorção no trato gastrointestinal, o que previne muito mais comparadas as outras a degradação muscular e fadiga.
– Aumenta musculatura
– Previne contra danos negativos as fibras musculares
– Melhora celulite e flacidez
– Ajuda a dar mais energia no pré treino
– Ativa mais rápido a M TOR para crescimento muscular
– 80% de absorção mais rápido do que as outras, cápsula oleosa

Modo de Uso: Consumir 15 min antes do treino 3 doses e 2 doses após o treino

Ação Terapêutica

L – leucina: A leucina age na regulação do processo anabólico envolvendo tanto a síntese quanto a degradação proteica, faz aumentar a massa magra e evita o catabolismo, ou seja, a perda de massa muscular. O efeito da insulina no organismo estimula a produção de insulina que é um hormônio anabólico, com papel crítico na manutenção da síntese proteica muscular. A leucina ativa a MTOR, uma proteína que ativa a síntese proteica sem precisar passar por diversas reações químicas no organismo, ela é um atalho para agilizar o crescimento muscular.

L – isoleucina: Depois de ingerida, a isoleucina é absorvida pelo intestino delgado e transportada pelo sangue até ao fígado, onde parte dela será canalizada para a síntese de proteínas e a outra parte será catabolizada, na presença de vitamina B12, para a produção de energia.

A isoleucina além de ajudar nos mecanismos de produção de energia, também ajuda na recuperação muscular após o treino, juntamente com os outros 2 BCAA’s (valina e leucina). A falta de isoleucina provoca cansaço muscular. Também é necessária para a produção de hemoglobina e para ajudar a regular os níveis de açúcar no sangue.

L- valina: A valina contribui para o tratamento de doenças no fígado e vesícula biliar estimula o crescimento muscular e fornece energia ao corpo, facilita a reparação dos tecidos musculares e ajuda a sarar feridas, combate a insónia e o nervosismo, ajuda a suprimir a sensação de apetite, regula o sistema imunológico e o metabolismo, melhora a resistência física, ajuda a manter a quantidade adequada de nitrogénio no corpo, evitando catabolismo e perda de massa muscular.

Contra Indicação: Altas doses de aminoácidos podem gerar sobrecarga no funcionamento do fígado e dos rins. Pessoas com problemas nestes órgãos devem obter liberação médica para seu uso.
Diminui a concentração de triptofano, pode causar insônia caso consumido próximo ao horário de dormir.
Pode interferir com medicamento anti depressivos.

Dra. Paula Castilho

Nutricionista Formada pela São Camilo,especialista em nutrição Clinica, Enteral e Parenteral, Nutrição estética e esportiva, Pesquisadora da UNIFESP no ambulatório de cicatrização, Pesquisadora e mestranda em saúde publica na USP, Diretora da Consultoria Sabor Integral. Docente do Senac em Nutrição Estética. Consultora da Nação Verde

Deixe uma resposta