Benefícios do Óleo de Linhaça

Benefícios do Óleo de Linhaça

 

Olá, pessoal!

Muitas pessoas já conhecem e utilizam a linhaça – inclusive, têm o hábito de consumi-la em forma de semente ou farinha. Mas e o óleo de linhaça? Não conhece ainda? Confira:

O óleo de linhaça é extraído a frio das sementes, mantendo suas propriedades nutricionais, por isso é indicado que seu consumo seja feito com sua temperatura natural. O óleo traz resultados favoráveis para a saúde em geral.

semente-de-linhaca-dourada1

 

Veja seus benefícios:

-É rico em Ômega 3 e Ômega 6, que auxiliam no combate à depressão e no tratamento do câncer, além de prevenir doenças cardiovasculares.

-Tem efeitos contra a osteoporose, pois oferece proteção significativa ao osso e, portanto, age como um escudo protetor.

-Faz o intestino funcionar bem, pois tem capacidade de emulsificar e lubrificar o bolo fecal.

-Para as mulheres, ameniza os efeitos colaterais da TPM e da menopausa.

-Deixa a pele e os cabelos mais saudáveis.

-Fortalece unhas, dentes e ossos.

E o óleo de linhaça emagrece?

Podemos dizer que ajuda no processo de emagrecimento, sim, pois proporciona saciedade quando consumido, reduzindo a fome. Porém para ter efeito é necessário combinar o uso dele com uma alimentação balanceada e a pratica de atividades físicas.

E para os cabelos?

Diminui o frizz, melhorando sua maleabilidade e a quebra, deixando os cabelos  mais brilhantes, macios e suaves. Uma dica: Misturar o óleo em xampus e cremes de tratamento é uma ótima opção para cuidar dos fios.

Se você não souber onde adquirir, dá uma olhada no nosso site. A gente tem!

Óleo de Linhaça – Ômega 3 6 9 1000mg – Zen – 90 cápsulas

E também em outras apresentações como:

Semente de Linhaça Dourada – Granel – 100g

Farinha de Linhaça – Granel – 100g

 

Receita fácil e caseira utilizando o óleo de linhaça para sua digestão:

Ingredientes:

4 unidades cenouras grandes sem as pontas e cortadas em pedaços grossos

2 limões descascados e sem sementes cortados em quatro

1 colher (sopa) de óleo de linhaça

Modo de Preparo:

Bata no liquidificador primeiramente a cenoura e o limão. Após batidos, junte o óleo de linhaça e beba em seguida.

Canela – Porque e como usar ?

Canela – Porque e como usar ?

Canela, pode usar á vontade! 

Termogênica, da pra usar em tudo e tem um sabor incrível! 

 

A canela é um ingrediente fornecido pela natureza e que pode ser encontrado em qualquer lugar. Mas já pensou da onde vem ? É um alimento muito antigo, e na antiguidade era considerada símbolo da sabedoria. Recomenda-se usar de 1 a 3 gramas por dia e hoje pode acrescentar em bolos, cafés, vitaminas, sobremesas, sucos e até como tempero de carnes.

“A canela melhora o aproveitamento da energia (glicose) no sangue, apresenta ações que modulam os níveis do hormônio do estresse e tem ações digestiva e antiséptica”, segundo o nutricionista Paola Nunes, especialista em nutrição funcional da Super Healthy.

  • Previne e controla o diabetes: Contribui para controlar o índice glicêmico. 
  • Controla o colesterol: Ajuda a diminuir o colesterol total e o ruim, LDL, e também os níveis de triglicérides.
  • Combate o resfriado: Neutraliza vários tipos de vírus e infecções
  • Contribui para o emagrecimento: Tem a uma função termogênica, colaborando na queima de calorias durante o dia, e acelera o metabolismo.
  • Ação antioxidante:  Possui compostos fenólicos que possuem atividade antioxidante ou seja, neutralizam os radicais livres. Esta ação proporciona estão prevenir o envelhecimento precoce, doenças degenerativas como o Alzheimer e tumores.

Já param para pensar e perceber como a natureza é perfeita e que podemos utilizar tudo que ela nos fornece para se cuidar, e ter energia para o dia o dia ?

 

canela-emagrece
Canela em Pau

Combinando a canela

Canela + gengibre: Esta combinação é poderosa para quem está resfriado ou quer prevenir o problema. A canela estimula o sistema imunológico e o gengibre possui ação anti-inflamatória que ajuda a lidar com infecções no trato respiratório e tosse. A dupla também potencializa o gasto energético no organismo, pois assim como a canela, o gengibre também é um alimento termogênico que ajuda a acelerar o metabolismo.

Aqui vai a receita: 

– Gengibre (cerca de cinco centímetros);
– 2 colheres (de sopa) de suco de limão;
– 1 pau de canela;
– 1 colher (de chá) de mel;
– 500 ml de água.

Modo de preparo

Em uma panela, despeje a água e coloque para ferver junto com o gengibre descascado e picado e a canela. Assim que ferver, desligue o fogo e deixe descansar por cerca de 10 minutos. Passado esse tempo, acrescente o suco de limão e o mel, que servirá para adoçar um pouco. A indicação é que o chá de canela seja ingerido até três vezes por dia, sendo uma vez pela manhã, outra após o almoço e a última na parte da noite, antes de dormir.

 

Banana + canela: Sabe quando dá aquela vontade de comer um doce? Pois então, a dica é salpicar em uma porção de banana assada. Isso vai contribuir para saciar seu desejo e ainda acabar com o impulso de comer demais.

 

Passe no site da Nação Verde e comece a utilizar a  Canela em Pau .

Azeite – além do tempero, muitos benefícios!

Azeite – além do tempero, muitos benefícios!

Azeite – Conheça os benefícios:

 

Muito além de temperar nossa comida, o azeite pode ter um efeito muito importante e vital em nosso corpo. Ele provoca a sensação de saciedade, fazendo com que a pessoa sinta menos vontade de comer em um maior intervalo de tempo, o azeite de oliva extra virgem é um antioxidante rico em polifenóis, atuando na produção de radicais livres e também auxilia no controle do colesterol. Aposto que muitos de vocês não sabiam deste poder todo, não é mesmo?

O azeite de oliva, óleo extraído da azeitona, está no grupo de alimentos essenciais ao cardápio de qualquer pessoa que busca uma vida mais saudável. De acordo com publicação do New England Journal of Medicine, a dieta mediterrânea – cuja base é o azeite de oliva extra virgem, castanhas, peixes e vegetais – é capaz de reduzir em 30% o risco de doenças cardiovasculares. Além de ajudar a diminuir o mau colesterol (LDL),  também contribui para o aumento do bom colesterol (HDL). Rico em gorduras monoinsaturadas, benéficas ao organismo, ainda possui efeito anti-inflamatório.

Outro benefício  é a presença de vitamina K – responsável pela manutenção de ossos saudáveis e auxiliar no processo de coagulação sanguínea. Uma porção de azeite (30 gramas) contém 129% da dose recomendada da vitamina por dia, o que prova que, além de delicioso, ele é muito importante para nossa vitalidade.

Confira abaixo mais informações sobre os benefícios do azeite:

1 – Regula o colesterol: As substâncias antioxidantes presentes no azeite inibem o colesterol ruim, o LDL, reduzindo seus níveis e outros fatores causadores de doenças cardiovasculares;

2 – Ajuda a emagrecer: Uma pesquisa realizada pela Universidade de Viena, na Áustria, e Universidade Técnica de Munique, na Alemanha, concluiu que o azeite de oliva contribui para a perda de peso. Isso mesmo! Tudo isso por conta da sensação de saciedade que ele causa em nosso organismo. A pesquisa concluiu também que o azeite de oliva possui substâncias que reduzem a absorção de glicose do sangue para as células do fígado. Porém, o óleo sozinho não será o responsável na perda de peso. É preciso ter uma  dieta balanceada e praticar atividades físicas;

3 – Previne e combate o diabetes: Segundo estudo publicado na revista científica Diabetes Care, uma dieta suplementada com azeite de oliva virgem diminuiu a incidência de diabetes tipo 2 em indivíduos com alto risco cardiovascular (após quatro anos de acompanhamento). O azeite de oliva é um aliado no combate à diabetes por ser anti-inflamatório e conter substâncias antioxidantes.

Médicos e nutricionistas recomendam o uso de duas colheres de sopa por dia. Utilizar o azeite como fonte de gordura diária é muito melhor do que substituir por margarina, manteiga ou maionese, já que esses alimentos não possuem as gorduras monossaturadas.

Pode ser consumido in natura, dando aquele toque final no preparo de saladas, peixes, massas e carnes. Podemos usar também  na preparação de receitas de molhos e até em pratos cozidos ou frituras, fica um gostinho maravilhoso!

Cuidado: fuja do azeite composto. Quando composto,  é feito com a mistura de outros tipos de óleo e o azeite de oliva. Assim, se torna prejudicial para o nosso organismo porque os outros óleos podem ser ricos em gorduras saturadas. Às vezes as pessoas notam uma grande diferença no preço entre o mesmo produto, mas de diferentes empresas, por exemplo. Em alguns casos somente 10% do produto composto é de azeite, o que justifica o preço bem abaixo de um azeite de oliva puro.

Portanto, fica a dica: analise atentamente os rótulos para ter certeza de que está comprando um produto de qualidade e que não fará mal ao seu organismo. Azeite não é tudo igual. Saiba consumir com moderação e desfrute dessa maravilhosa obra-prima da natureza.